"Eu sou um intelectual que não tem medo de ser amoroso, eu amo as gentes e amo o mundo. E é porque amo as pessoas e amo o mundo, que eu brigo para que a justiça social se implante antes da caridade."

Paulo Freire.

Pesquisar neste blog

Carregando...

terça-feira, 1 de novembro de 2011

A brinquedoteca hospitalar como fator de promoção no desenvolvimento infantil: relato de experiência

A existência de brinquedotecas hospitalares ainda está em fase de expansão, os hospitais aos poucos se adequam às necessidades impostas pela legislação vigente, para que o espaço específico destinado para o brincar nas instituições hospitalares torne efetiva a possibilidade lúdica em sua dimensão terapêutica. Essa estratégia pode minimizar o ambiente hostil e estranho da instituição hospitalar, e proporcionar um atendimento global durante a internação, tornando o hospital um contexto de desenvolvimento saudável para as crianças e suas famílias. Assim, o objetivo deste artigo é apresentar as atividades desenvolvidas no Projeto de Extensão: Brinquedoteca Hospitalar - Projeto de Recreação em Enfermaria Pediátrica e descrever o papel da brincadeira como promotora de bem estar físico e emocional da criança no ambiente hospitalar.
No momento de propor atividades para as crianças, buscou-se facilitar a interação entre acompanhante-criança com o objetivo de otimizar sua relação. Procurou-se também, incentivar as interações entre as crianças hospitalizadas com a finalidade de promover um ambiente de descontração. Se havia crianças de idades próximas, era proposta alguma atividade dirigida, em grupo, como jogar dominó, pintar ou brincar de casinha. As brincadeiras realizadas mais freqüentemente foram: quebra-cabeça, memória, brinquedos de casinha e pintura. No primeiro momento, foram realizadas observações da unidade de internação, identificação da rotina hospitalar a que as crianças estavam submetidas, delineamento do perfil da clientela, levantamento de suas necessidades e interesses lúdicos, levantamento bibliográfico e leituras pertinentes ao tema de trabalho, planejamento das atividades e apresentação do projeto para a equipe de saúde, bem como, a organização dos brinquedos para as devidas atividades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário